Menstruação Escura com Cor Preta, Marrom, Rosa, etc – Saiba Tudo

Menstruação  Escura, Preta, Marrom ou Rosa



A menstruação é um processo fisiológico essencial para a saúde das mulheres, por isso, convivemos todos os meses com o mesmo ritual de cada ciclo. Por ventura, em alguns meses isso pode mudar e nisso percebemos a menstruação escura ou até mesmo a menstruação marrom ou em outra hipótese a menstruação rosa.

Menstruação  Escura, Preta, Marrom ou Rosa

Essas alterações podem desencadear uma grande preocupação nas mulheres, uma vez que estamos acostumadas com a menstruação vermelha bem definida.

Entretanto, o corpo humano é uma caixinha de surpresas e sempre que algo fugiu do habitual, o organismo nos envia alguns sinais, nem sempre eles são graves, na maioria das vezes são apenas um pequeno aviso de que algo precisa ser revisto.

Como deve ser a menstruação normal? 

Antes de tirar qualquer conclusão precipitada acerca da mudança de coloração da menstruação, é importante entender como a menstruação normal é caracterizada.

Segundo os especialistas, uma menstruação considerada saudável deve ser líquida, fluída e com pouca presença de coágulos.

Um fluxo normal leva em torno de 3 a 8 dias, dependendo de cada mulher e a quantidade de sangue eliminado deve ficar por volta de 30 a 80 ml por ciclo.

Mas, e a coloração?

Menstruação preta, menstruação marrom ou menstruação rosa não é uma informação relevante, pois esses fatores podem mudar de acordo com cada mulher. Questões de saúde e de glândulas endometriais podem mudar a cor do sangue menstrual.

Cada mulher tem um fluxo menstrual único, é por isso que ela deve ficar atenta as modificações de coloração, odor, quantidade, presença de coágulos e a duração.

Menstruação escura indica algum risco?

Menstruação escura indica algum risco



A menstruação escura ou menstruação preta podem indicar diversas condições de saúde, entretanto, é importante avaliar se todos os ciclos menstruais estão vindo com essa coloração.

No entanto, se a menstruação escura se tornar frequente, é importante buscar orientação de um ginecologista para diagnosticar a causa, que pode ser:

  • Gravidez, principalmente se estiver associado a pouca quantidade;
  • Útero inflamado;
  • Endometriose;
  • Doenças Sexualmente Transmissíveis;
  • Troca da pílula contraceptiva;
  • Pílula do dia seguinte;
  • Miomatase uterina;
  • Doenças Sexualmente Transmissíveis;
  • Ovários Policísticos (SOP);
  • Menopausa;
  • Questões hormonais;

Se a menstruação escura for algo esporádico, pode  estar apenas relacionado ao fluxo de pequena intensidade. Mas, é sempre importante manter as visitas ao ginecologista em dia, desse modo, é possível relatar as alterações que estão ocorrendo em seu fluxo menstrual.

Menstruação escura e marrom é sinal de gravidez?

Menstruação marrom é sinal de gravidez

 

Comumente, a menstruação marrom é mais vista em escapes ou final de menstruação, a tão conhecida ” borra de café”. É totalmente normal e não oferece riscos  para a saúde da mulher.

Existem outras condições em que a menstruação marrom pode ser vista:

  • Uso de pílulas contraceptivas, implantes ou injeção hormonal;
  • Lesões no colo do útero (podem ser detectadas no papanicolau);
  • Menopausa;
  • Problema no endométrio;

Além disso, a menstruação marrom pode ser sinal de gravidez, por isso é importante investigar através do exame de sangue essa possibilidade, especialmente se não estiver usando nenhum método contraceptivo.

Menstruação rosa é normal?

Menstruação rosa é normal

 

Em geral, a menstruação rosa é um condição pouco frequente, ela é fruto de uma menstruação mais rala, por isso dá a impressão de ser rosada, já que o habitual seria uma coloração vermelha bem intensa.

Antes de mais nada, a menstruação rosa está relacionada a um fluxo menstrual de baixa intensidade e pode ter relação com altos níveis de estresse, isso não significa que a mulher pode ter algum problema de saúde.

Outras questões podem ser: Alterações hormonais, escapes causados pelas pílulas contraceptivas e por último, a Síndrome de Ovários Policísticos.

É importante que a mulher faça uma avaliação médica, caso a menstruação rosa persistir por muitos ciclos. Além disso, escapes oriundos das pílulas contraceptivas podem indicar uma dosagem hormonal inadequada, portanto, deve ser relatado ao médico para que ele fala o ajuste.

Tipos de menstruação escura e colorida que merecem atenção

Tipos de menstruação que merecem atenção - coloridas ou escuras

Acima, citamos sobre a menstruação escura, menstruação preta, menstruação marrom e menstruação rosa. Cada uma possui suas características e exigem a atenção das mulheres para investigar possíveis causas.

Entretanto, elas são colorações comuns que podem ser vistas inclusive em casos que não apontam gravidade.

A menstruação pode dizer muito sobre a condição de saúde de uma mulher, por isso, é essencial que ela preste atenção todos os meses com relação não só a coloração, mas a intensidade do fluxo e o aspecto que podem mostrar alguns problemas mais graves.

Saiba mais:

# Intensidade de fluxo

Algumas mulheres sempre tiveram fluxo menstrual intenso, nesse caso, não motivo para preocupação. Entretanto, se o sangramento continuar mesmo quando a menstruação já deveria ter acabado, é essencial procurar um médico para investigar a causa, pois essa condição não é normal.

Entretanto, fluxos muitos intensos também pode ter relação com pólipos uterinos, miomas, problemas hormonais e até doenças hematológicas.

# Aspecto da menstruação

Menstruação em coágulos até certo ponto pode ser normal, pois é resultado da descamação do tecido que fica dentro do útero. Entretanto, algumas alterações de fluxos com a presença de pedaços de sangue podem indicar outras condições de saúde como: Miomas ou menopausa.

Se o aspecto da menstruação for coagulado com frequência, é importante buscar ajuda médica.

Igualmente, se a menstruação vier acompanhada de “peles” é imprescindível realizar exames, já que essa condição pode estar relacionada a hemorragia no útero, menstruação membranácea, ciclos sem ovulação, entre outros.

# Coloração da menstruação que merece atenção especial

Menstruação alaranjada: Especialmente quando aliada a um odor muito forte pode estar diretamente ligada a problemas no sistema reprodutor feminino ou a alguma infecção vaginal.

Menstruação cinza: Por ser muito raro, pode indicar alguma condição de saúde como uma infecção  ou um aborto espontâneo.

# Odor da menstruação

O cheiro de uma menstruação saudável é característico do próprio sangue, caso houver um odor mais forte que foge da normalidade é muito provável que haja algum tipo de infecção.

No entanto, o odor é muito relativo e a avaliação pode mudar de pessoa para pessoa. Isso quer dizer que o cheiro pode ser forte, mas não necessariamente fétido.

Outros fatores podem contribuir para uma menstruação mal cheirosa é a demora na troca de absorvente, ele deve ser substituído a cada 3 horas. É por isso que muitas mulheres estão usando o coletor menstrual, pois afirmam que o contato do sangue com o material dos absorvente higiênicos resultam em um odor fétido.

Enquanto que segundo as usuárias, o  coletor menstrual diminui o odor menstrual. Além disso, ele preserva a flora vaginal e reduz os riscos de irritações na região íntima.

Em resumo, percebemos que a coloração da menstruação pode mudar de acordo com a condição de saúde da mulher, em alguns casos, essas alterações podem ser normais. Além disso, outros fatores devem ser avaliados como: Aspecto, odor e intensidade de fluxo.

Todas as mulheres devem ficar atentas ao seu fluxo menstrual, embora seja uma coisa corriqueira que ocorre todos os meses, a menstruação pode apontar sinais importantes a respeito da saúde íntima feminina.



 

Descubra mais sobre os Ciclos Menstruais: